Incêndio na Uniovo causa susto à população

Pavilhão encontrava-se desativado e irá ser demolido em breve

0 179

Foi maior o susto, que causou apreensão à população, do que os danos causados pelo incêndio que afetaram um pavilhão da Uniovo, nas Gontijas – Areias, que se encontra desativado há cerca de meia dúzia de anos e que tinha já como destino, a breve prazo, a demolição.

O incêndio teve início cerca das 11h40 da passada quinta-feira, dia 8 de março, quando se procedia à desmontagem de material antigo no seu interior e que poderá ter início na tela de um tapete rolante, durante a utilização de equipamento de serralharia.

O material antigo que se encontrava a ser desmantelado tinha já como destino o ferro-velho, estando tudo licenciado nesse sentido.

Segundo Pedro Carraço, Comandante dos Bombeiros Voluntários de Ferreira do Zêzere, “foi mais fumo do que fogo, foi um incêndio de fácil extinção. Os primeiros meios a chegar fizeram busca e salvamento.”

No local estiveram 35 operacionais apoiados por doze viaturas, estando presentes no local, além dos Bombeiros de Ferreira do Zêzere, bombeiros de Alvaiázere, Cernache do Bonjardim, Ourém e Tomar, apoiados pela viatura de Suporte Básico de Vida.

Deste incêndio resultaram dois feridos ligeiros, sendo que apenas um foi transportado para o Hospital de Tomar, por inalação de fumos.

Quer receber as nossas notícias no seu email?
Assine para receber as últimas notícias publicadas na OvoTV
Pode cancelar os emails a qualquer momento
Pode Ser do seu interesse

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.