Presumível incendiário detido pela PJ na Sertã

Suspeito ficou em prisão preventiva

0 52

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou ontem a detenção de um presumível incendiário, que é suspeito de ter ateado um incêndio florestal no concelho da Sertã.

A Diretoria do Centro da PJ adianta, em nota enviada à comunicação social, que o homem de 61 anos, solteiro e desempregado, é o alegado autor de um incêndio florestal ocorrido na segunda-feira, em Sorvel, na União de Freguesias de Ermida e Figueiredo.

“O suspeito atuou num quadro que aponta para um forte impulso e atração pelo fogo e utilizou um isqueiro de cozinha para atear o incêndio”, indica a fonte.

Segundo a PJ, o incêndio atingiu um terreno povoado com pinheiro bravo novo e mato, tendo ardido uma área pequena, dado que o mesmo foi “prontamente combatido e apagado”.

Para a detenção do suspeito a PJ contou com a colaboração da GNR e dos Bombeiros Voluntários da Sertã.

O detido foi presente às autoridades judiciárias para primeiro interrogatório, tendo ficado sujeito à medida de coação de prisão preventiva.

No corrente ano, a PJ já identificou e deteve 31 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Quer receber as nossas notícias no seu email?
Assine para receber as últimas notícias publicadas na OvoTV
Pode cancelar os emails a qualquer momento
Pode Ser do seu interesse

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.